Djalma Pinheiro

Ah, se eu fosse um poeta....

Textos

O amor e o Tarô...........
 
Como se completam e em muito, o amor e o tarô
Pois ambos mexem com o nosso imaginário e o concreto,
Bolem com os nossos sentimentos mais profundos.
 
No tarô, é previsível a minha trajetória
No amor não tenho variantes
 
No tarô é possível a correção de minhas atitudes
No amor, muitas vezes as minhas atitudes são irreversíveis
 
No tarô você prevê o que pode acontecer
No amor eu sou pego de surpresa amando você
 
No tarô existe a casa do amor
No amor existe muito do tarô
 
Djalma Pinheiro   
 
Este poema é em homenagem a uma querida amiga, que me enviou um presente. Obrigado amiga.  Obrigado Aline
Djalma Pinheiro
Enviado por Djalma Pinheiro em 03/04/2009
Alterado em 03/04/2009
Copyright © 2009. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras