Djalma Pinheiro

Ah, se eu fosse um poeta....

Textos


Lembranças de ti...

 
Lembranças de ti eu tenho
Quando me vens à mente fico a imaginar
Que seus beijos me faziam sonhar
Sonhar que estava em nuvens
Seus beijos me faziam chorar
Chorar sim, pois sabia que seriam passageiros.

Ah, que saudade tenho de ti
Saudades de nossas andanças pela noite boemia
De nossos afagos lascivos em qualquer lugar.

Não volta, foste, partiste
Deixando-me só em meu canto
Recluso, perdido.

Perdido nas lembranças que tenho de ti...



Muitas vezes quando penso em estar amando me entrego e quando me vejo no espelho da vida, só consigo visualizar um ser poeta e solitário......
Djalma Pinheiro
 

Publicado em: www.djalmapinheiro.recantodasletras.com.br
Blog: http://poesiaepapodebotequim.blogspot.com.br/ 
Faceboock: https://www.facebook.com/djalma.pinheiro.9
Academia Mundial de Cultura e Literatura – Cadeira:13 – patrono: Vinicius de Moraes
Comunidade: ttps://www.facebook.com/Papo-de-Botequim-com-poesias-MPB-478793652292942/
Página no Face: https://www.facebook.com/groups/169700586705163/
E-livros: Disponíveis gratuitamente em meu site. 
 
Djalma Pinheiro
Enviado por Djalma Pinheiro em 09/10/2015
Alterado em 06/09/2016
Copyright © 2015. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras