Djalma Pinheiro

Ah, se eu fosse um poeta....

Textos

Porque Dia Internacional da Mulher?
 
Como se pode dizer Dia Internacional da Mulher, pois para mim o dia delas é todos os dias de nossa existência.
 
Imaginem todos se não fossem as mulheres, como seriamos, ou melhor, ainda como poderíamos estar aqui.
 
Será que estaríamos por obra e graça de quem? Logo como disse o dia Internacional da Mulher, tem a obrigação de serem todos os segundos, minutos, horas e dias de nossa existência. Elas nos proporcionam a maior das dádivas A VIDA, sabedores somos que com a benção e graças do Amigo maior, mas sem elas não se concretizaria este grande e evento. O de dar a VIDA.
 
Eu por exemplo, nasci de uma grande mulher, que fez de sua vida uma saga de amor ao próximo e aos seus filhos, tive tenho ao longo de minha breve existência aqui, grandes exemplos de grandes mulheres, como minhas irmães que ajudaram-me  a criar, minhas filhas que me são uma dádiva dos céus, minha netinha que é o meu sonho e uma grande companheira que me proporciona momentos únicos de amor e carinhos.
 
Todos nós temos é que render homenagem sim às mulheres, mas não é só num dia, pois temos com elas grandes contas a saldar. Com nossas mães pela vida que nos deu, pelo seu leite a nos alimentar nos primeiros meses de vida, pelas nossas irmãs,  pelos carinhos e brigas que nos fazem e ajudam a crescer, pelas amigas que muitas vezes nos emprestam seus ombros nas horas difíceis, pelas nossas filhas que nos proporcionam momentos únicos de alegria e prazer, pela nossa companheira que nos da amor e forças para seguirmos em frente com dignidade, nos momentos muitas vezes mais difíceis, enchendo-nos de carinhos e prazer.
 
Fico é muito triste quando leio ou vejo pela imprensa as atrocidades que se fazem com elas e depois num dia especifico as homenageiam, como por exemplo, dia das mães, o próprio dia das mulheres (que a meu ver reafirmo que é errado, pois o dia delas são como disse acima, todos os segundos, minutos, horas e dias de nossas vidas). No Natal e em seus aniversários e etc.... Porque só nestes dias render homenagem a elas!!!!
 
Rendo sim as minhas homenagens, desde meus primeiros sopros de vida, e rogo ainda ao Amigo maior que elas cada vez mais nos amem e nos ensinem a viver. Viver com dignidade e aprendendo sempre a amá-las e a respeitá-las a cada milésimos e segundo de nossa existência.
 
Pois digo e reafirmo que sem elas não estaria aqui para escrever esta humilde homenagem.
 
Logo digo, repito.
 
Só uma mulher...........
 
Um ser divino
Um ser com instinto materno
Uma deusa do amor
 
A mulher que briga
A mulher que bate
A mulher que xinga
 
Quando briga, sofre mais que o seu opositor,
Quando bate, sente mais dores de quem apanhou,
Quando xinga, fica mais ofendida que o ofendido
 
Portanto você mulher é puro amor
Que predestinada como é
Ensina-nos a viver e a amar e a difundir o que aprendemos com você
 
Amor....
 
Obrigado a você mulher, nascida para ser amiga, irmã, amante e MÃE

 
Djalma Pinheiro
Djalma Pinheiro
Enviado por Djalma Pinheiro em 08/03/2011
Copyright © 2011. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras