Djalma Pinheiro

Ah, se eu fosse um poeta....

Textos


Meu coração....
 
Meu coração é transitório,
Pois sou da terra, e nela ando como peregrino,
Sou do mar, nele navego visando grandes horizontes,
Sou do ar que me traz o vento e me leva aos céus,
Sou do fogo, que queima meu ser.
 
Meu coração é assim,
Transitório, mutante,
Ele ama, ele sente mágoas, ele lateja,
Mas tem momentos ele vira um coração perene.
 
E quando assim esta,
Ele ama, ele vive,
A terra me fixa
O mar me alimenta,
O ar me faz vivo ,
O fogo ardente alimenta,
Tudo o que sinto por ti...
 


Publicado em: www.djalmapinheiro.recantodasletras.com.br
Blog: http://poesiaepapodebotequim.blogspot.com.br/ 
Faceboock: https://www.facebook.com/djalma.pinheiro.9
Academia Mundial de Cultura e Literatura – Cadeira:13 – patrono: Vinicius de Moraes
Comunidade: ttps://www.facebook.com/Papo-de-Botequim-com-poesias-MPB-478793652292942/
Página no Face: https://www.facebook.com/groups/169700586705163/
E-livros: Disponíveis gratuitamente em meu site. 


 
A poesia eleva a alma ao patamar dos sonhos......
Djalma Pinheiro
Djalma Pinheiro
Enviado por Djalma Pinheiro em 20/09/2015
Alterado em 06/09/2016
Copyright © 2015. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras